Não é de hoje que podemos extrair valiosas lições seja da literatura, seja do cinema, sempre é possível divertir-se e aprender, até mesmo com as mais inusitadas obras de ficção (vide o que a série The Walking Dead tem a ensinar aos empreendedores).

Se além de apaixonado(a) por empreendedorismo, você é também aficionado(a) por ficção científica e cultura pop ou ao menos conhece algum ou outro assunto sobre o tema, fique com a gente e acompanhe esse texto que é pra você!

Um exemplo disso é a famosa franquia Star Wars criada pelo cineasta George Lucas.

A franquia que conta com uma série de sete filmes de fantasia científica e um spin-off, é repleta de personagens em uma constante luta entre o bem e o mal, nos fornece preciosas lições que podemos levar para a nossa carreira, vida e também para o meio empreendedor.

Sem mais delongas, vamos conferir algumas lições que essa obra de ficção científica tem a nos ensinar sobre empreendedorismo.

Enfrentar os medos.

“Ira, medo, agressividade. O lado escuro da força são. Fácil fluem. Rápido se unem a você em uma luta… Um Jedi usa a força para conhecimento e defesa, nunca para atacar”, você não leu errado, não se assuste.

Essa frase é dita pelo conhecido mestre Jedi Yoda (que tem um jeito bem peculiar de falar) e basicamente fala sobre o controle das emoções, algo extremamente necessário no dia a dia empreendedor, não é mesmo?

Os medos, temores ou dúvidas são comuns tanto para quem pensa em iniciar um empreendimento, como para a tomada de decisões dentro de uma empresa e compete aos empresários enfrentá-los e tomar as decisões que tem de tomar senão: “o medo leva a ira, a ira leva ao ódio, o ódio leva ao sofrimento”…

Busque conselhos de um mentor.

Devemos nos cercar de pessoas que nos auxiliem em nossa caminhada empreendedora, buscar quem sabe mais que nós, que possui mais experiência, um(a) mentor(a) ou um guia.

Em Star Wars o que seria do jovem candidato a Jedi Luke Skywalker se não contasse com a sabedoria de Obi-Wan Kenobi e do já mencionado Mestre Yoda?

Seja um processo de mentoring profissional, seja por meio órgãos de ajuda ao empreendedor, incubadoras, associações comerciais, amigos, etc.atrair conselhos de mentores é um dos fatores que mais pode aumentar seu potencial de sucesso.

“Faça ou não faça, não há tentativas…”

A atitude e autoconfiança em si mesmo(a) são primordiais para seguir adiante com nossa empresa.

Quando Yoda resgata por meio da força o X-Wing (nave) de Luke que se encontra afundada no pântano, um Luke Skywalker sem treinamento e totalmente cético em relação a um ser tão pequeno e frágil conseguir mover algo tão grande, espanta-se com o grande poder do velho mestre.

Como bem disse o sábio Yoda (ele de novo), a um repleto de dúvidas Luke Skywalker “Faça ou não faça, não há tentativas”, mesmo pequeno e aparentemente fraco, o mestre Jedi utilizando sua força levanta a pesada nave diante dos olhos do incrédulo pupilo.

Planeje, crie estratégias, acredite, faça de tudo para tirar “sua nave do pântano”, bote pra fazer!

Escolha bem seus sócios e sua equipe.

A ordem dos filmes de Star Wars é um caso à parte, mas nos primeiros filmes da película, mais precisamente O Império Contra-Ataca e O Retorno do Jedi, vemos como se vão juntando pessoas totalmente diferentes umas das outras.

De um lado temos o jovem e impetuoso cavaleiro Jedi (Luke), uma segura e perfeccionista princesa (Leia), um arrogante e ambicioso contrabandista (Han Solo), um leal e temperamental alienígena (Chewbacca) e o sábio Obi-Wan Kenobi.

Diferentes pessoas com o mesmo propósito. Por isso na hora de procurar um sócio ou contratar colaboradores assegure-se de trazer para o seu time pessoas alinhadas com o seu negócios, que vistam a camisa, que sejam parceiras, por isso dedique-se ao processo de prospecção e contratação. Valerá a pena!

Interplanetário ou não, faça networking a todo momento.

Quando Luke e seu mentor Obi-Wan entraram na cantina de Mos Eisley em busca de um bom piloto que os levasse a Aldebaran, havia um matiz bastante exótico de possibilidades.

Se eles não estivessem abertos a essa variedade de contatos não teriam encontrado o simpático Han Solo com sua Millennium Falcon e a história provavelmente seria outra.

Por isso, deixe de ser um(a) cavaleiro(a) solitário(a) e faça contatos, afinal quem sabe um novo contato possua a nave mais rápida do universo? Nunca se sabe.

Pense grande, você pode vencer o Império.

Não tenha medo da concorrência, enfrentar o temido Império e a Estrela da Morte parece uma tarefa hercúlea, mas ainda assim, a aliança rebelde está decidida a enfrentá-los com todo seu exército e naves espaciais.

Pense grande, atue e enfrente o mercado, ou como diria o bom velho Yoda nas palavras de Obi-Wan: “A força não pode abandoná-lo. Ela é constante. Você deve encontrá-la dentro de si e não fora.”

Invista em tecnologia.

Provavelmente se você está lendo este artigo, significa que o faz de um computador, notebook, celular ou tablet.

Hoje em dia é difícil imaginar um mundo sem produtos e avanços tecnológicos; se em Star Wars temos por exemplo, os dróides R2D2 com várias funções como “técnico”, que pode fazer “n” funções e C3PO que é um robô intérprete que fala mais de 6 milhões de idiomas, no dia a dia da sua empresa você também deve utilizar todos os recursos tecnológicos à favor da gestão de sua empresa.

O Excel é realmente muito bom, mas convenhamos, administrar reunindo uma papelada ou planilhas de Excel não é lá muito prático no dia a dia corrido e ainda é passível de erros.

Dessa forma, por que não usar um software de gestão para isso, que possa ser acessado de qualquer lugar, com informações armazenadas na nuvem e constantemente atualizadas de forma integrada?

Assim, os números ficam corretos e ajudam a descomplicar de vez.

Com o NxFácil você tem um software de gestão financeira de ponta, que possibilita emitir nota fiscal eletrônica, emitir boletos, ter o controle de estoque e financeiro além de integrar os setores da empresa, entre outras funções.

Aprenda a negociar e comprar.

Tão importante quanto vender é saber comprar, não é mesmo?

Luke Skywalker e seu tio Owen Lars dirigiam-se constantemente a feira dos Jawas para comprar androides.

Depois de uma boa negociação conseguem adquirir os robôs R2D2 e C3PO projetados para interagir com humanos, bem da verdade, essa compra muda a vida do jovem Luke por completo.

Uma boa compra, bem como, uma boa venda pode mudar o rumo do seu negócio.

Sempre alerta para o inesperado.

Se você ainda não assistiu o filme, recomendamos que pule esta parte, porque inevitavelmente virá um spoiler dos grandes, sorry.

Quem já assistiu “O império contra-ataca” recordará do momento que o vilão Darth Vader revela ao Jedi Luke o icônico: “I am your Father”, algo inesperado para Luke (e talvez para espectadores de primeira viagem).

Todo mundo está sujeito ao inesperado e um negócio não está isento de eventuais surpresas (sejam agradáveis ou não), por isso é preciso estar preparado para o que der e vier e tirar o máximo de aprendizado de cada situação.

Algo que no “Retorno de Jedi” Luke faz brilhantemente, quando entende que vencer o vilão e seu pai Darth Vader não é matá-lo, mas sim confiar que em seu pai há ainda um lado bom e assim consegue no último momento resgatá-lo do lado negro da força.

Não se renda, inspire-se com George Lucas.

Esta última lição vem direto do próprio criador de Star Wars, o cineasta famoso George Lucas.

Com um patrimônio estimado em 5,1 bilhões de dólares, George Lucas é um dos nomes mais bem-sucedidos da indústria cinematográfica.

A gorda conta bancária do diretor, entretanto, não vem apenas de seu talento para criar e contar boas histórias. Boa parte desse sucesso se deve, também, a seu talento e visão como empreendedor.

Seu projeto Star Wars foi inicialmente rejeitado, Luke reescreveu o script várias vezes, deu-o a ler o seu grande amigo e mentor Francis Ford Coppola e a outros amigos e quase sempre lhe diziam que desistisse desse material, porém tudo isso não o fez desistir.

Até que em uma aposta com um executivo da 20th Century Fox, fez uma primeira projeção para os chefes dos estúdio onde estavam presentes amigos cineastas como Brian de Palma e Steven Spielberg.

Lucas pediu suas opiniões e De Palma foi implacável, dizendo-lhe que não se entendia nada, já Spierlberg, foi o único a enxergar o potencial da película e o resto da história já conhecemos, não é mesmo?

O início de uma saga que se reinventa e se mantêm vigente com vários spin offs e a estreia de novos capítulos à essa emocionante trama.

Comece já a colocar as lições em prática! E no mais, que a força esteja com você!

Marketing Nxfácil