Custos e despesas são dois assuntos que trazem bastante duvidas nas suas definições na cabeça de todo empreendedor.  Afinal como diferenciamos o que é custo e o que é despesa em relação as movimentações da sua empresa?

Despesas.

Despesas são gastos necessários para manter o funcionamento da empresa. Mas não estão relacionados diretamente a atividade fim de uma empresa. As despesas podem ser classificadas em fixas e variáveis:

  • Despesas fixas: são valores fixos, que não sofrem alterações de acordo com a demanda ou produção da empresa. Como contas de água e telefone, que podem até apresentar uma certa variação, mas costumam se manter estáveis em um padrão. E não se alteram de acordo com a produção da empresa como um geral.
  • Despesas variáveis: podem sofrer alterações de acordo com a necessidade e não podem ser previstos no orçamento. São exemplos de despesas variáveis o pagamento de horas extras ou  até mesmo a possível contratação de mais funcionários de forma a atender um eventual aumento na demanda da produção da sua empresa.

Custos.

Os custos são relativos a todo valor gasto para a execução da atividade fim da empresa. Seja na aquisição de equipamentos, da logística dos caminhões,  aquisição de produtos para o estoque, incluindo os gastos logísticos e os de produção ou então compras de equipamentos necessários para a prestação de um determinado serviço.

Os custos ainda podem ser classificados como diretos e indiretos:

  • Custos diretos: São os custos ligados diretamente a produção dos produtos ou serviços. Como a compra de matéria prima, insumos, maquinários e equipamentos para a industrialização.
  • Custos indiretos: Podem ser classificados como custos indiretos os valores gastos com a energia elétrica, por exemplo. Já que são necessárias para o funcionamento das máquinas na produção de produtos. Os custos ligados a logística também são classificados como indiretos. Pois apesar de serem necessários para a formação de estoque, não são relacionados a produção diretamente.

Entre os principais benefícios de uma apuração correta de custos e despesas podemos destacar a análise da margem de contribuição por produto, que é o valor que sobra da venda de um produto ao retirarmos de seu faturamento bruto os gastos com deduções de vendas e com o custo de sua produção ou compra.

De maneira resumida, a margem de contribuição nos diz se um produto vale a pena ou não ser produzido. E não temos como realizar esta análise se não tivermos identificado as despesas administrativas de maneira separada dos custos de produção.

A Nxfácil, emite o relatório de margem de contribuição para você, apenas selecione o período desejado e um ou mais produtos da sua escolha e pronto o seu relatório de Margem de contribuição será gerado!

Beijaflor

www.nxfacil.com.br

Marketing