A Endeavor é uma organização global sem fins lucrativos com a missão de multiplicar o poder de transformação dos empreendedores em todo o mundo, contendo a sede nos Estados Unidos e tendo várias filiais, inclusive no Brasil.

“A Endeavor é a organização líder no apoio a empreendedores de alto impacto ao redor do mundo. Esses empreendedores são aqueles com os maiores sonhos, capazes de criar empresas que fazem a diferença e crescem continuamente, prosperam e empregam milhares de pessoas.” Linda Rottenberg, fundadora da Endeavor Global.

A  ideia de Endeavor surgiu em 1990, quando Linda Rottenberg estava na Argentina e percebeu como um ambiente pode não favorecer a cultura empreendedora e, assim, não tinha tantas pessoas com essa inspiração de abrir o seu próprio negócio, apenas com a ideia de ser um empregado e ganhar o seu salario, não motivadas a ir para frente. Após essa breve visita a Argentina, percebeu que lá não era o único lugar que não tinha apoio para  você ter o seu próprio negócio.

Então teve a ideia de criar uma empresa que ajude nesse processo de auxilio e apoio para as empresas, e esse modelo de operação ela chamou de Endeavor e não mediu esforços para levar essa ideia a diante e para as mais diversas localidades e cidades, então se juntou com Peter Kellner e tornou a Endeavor realidade. Linda acabou conhecendo o executivo Beto Sicupira e ele gostou da ideia e mobilizou outros grandes empreendedores para trazer essa operação para o Brasil, conseguindo o apoio necessário no inicio de 2000 foi implantado a Endeavor no Brasil0. Hoje a Endeavor está em mais de 200 países, e no Brasil tem escritórios, nos mais diversos lugares e por vários estados.

O Principal lema da Endeavor é acreditar que a força de um bom exemplo inspira e motiva as pessoas a definir seus sonhos e escolher os seus caminhos. O modelo de Endeavor é usado na seleção e no apoio a empreendedores que queiram construir o seu próprio negócio e que ele fique e evolua muito no seu segmento empresarial.

A Endeavor continua procurando e selecionando empreendedores dos mais variados segmentos do mercado, buscando características que esses empreendedores estejam construindo modelos de negócios diferenciados. Para receber o apoio da Endeavor, o empreendedor passa por um rígido processo seletivo, no qual a rede de embaixadores da Endeavor se envolve ativamente nos negócios, procurando analisar o modelo de negócio do empreendedor e entender como a Endeavor pode ajuda-lo a ser mais bem preparado e tomar melhores decisões.

Mas para entrar no Endeavor, as empresas têm que se esforçar muito O processo seletivo não é fácil e pode se estender de seis a 12 meses. Somente dez empreendedores são chamados a cada mil avaliados no sistema.

Durante a avaliação, a instituição busca por pessoas que sonham alto e de fato querem mudar o país com os seus negócios. Também é  analisado o  potencial de crescimento do negócio, estágio de maturidade da empresa  e se ela possui um diferencial competitivo no mercado.

As empresas que são selecionadas passam por experiências transformadoras. Os empreendedores têm contato com outros que já estão no ramo há mais tempo e se tornaram referências. E ainda os empreendedores contam com mentores para ajudá-los a administrar seus respectivos negócios, como se fosse um sistema de padrinhos para a sua empresa, te ajudam nas tomadas de decisões e analisam cada alternativa para que você siga no caminho certo.

Bruna Klaumann